Instituto AAL suspende treinamentos no Mato Grosso por tempo indeterminado

Secretário de Saúde do Mato Grosso endossa campanha contra hanseníase
19 de fevereiro de 2020
COVID-19: organizações de referência alertam cuidados extras para pacientes com hanseníase
20 de março de 2020

Seguindo as recomendações de combate à transmissão da COVID-19, Aliança Contra Hanseníase adia ações educativas previstas para próximos meses.

O Instituto Aliança Contra Hanseníase e a Secretaria de Saúde do Estado do Mato Grosso decidiram suspender por tempo indeterminado as capacitações previstas para abril e maio de 2020. O anúncio segue as orientações das autoridades de saúde que visam reduzir o risco de contaminação pelo novo coronavírus, pandemia que preocupa pelo impacto global e exponencial. Uma parte dos profissionais de saúde que participariam das atividades foi convocada a trabalhar no atendimento intensivo que as entidades de saúde estão prevendo para as próximas semanas. A decisão é parte de um decreto do governo do Mato Grosso.

Com início em 2019, os encontros da ALL no Mato Grosso reúnem profissionais de saúde do estado hiperendêmico para treinar equipes no diagnóstico e tratamento da hanseníase. Mais de 1,5 milhão de pessoas já foram impactadas indiretamente. A médica fundadora do Instituto Aliança Contra Hanseníase, Dra. Laila de Laguiche, reforça que o momento é de alerta e colaboração global e que os profissionais de saúde são peças-chave neste momento tão delicado da humanidade. “Somos parte do esforço de ação e conscientização de toda população e precisamos dar o exemplo adiando nossas atividades presenciais e colaborando ao máximo para que esses profissionais estejam à disposição de casos emergenciais”, comenta. 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Português