Autoridades e especialistas reconhecem fundação do Instituto AAL

Paraná registra 550 novos casos de hanseníase e 20% de aumento entre as crianças
18 de abril de 2019
Hanseníase: Relatora da ONU apela ao Brasil para redobrar esforços no combate à discriminação
20 de maio de 2019

CRM-PR cede espaço para lançamento de instituto.

Com a presença de autoridades políticas locais e apoiadores, a médica hansenologista Dra. Laila de Laguiche declarou oficialmente inaugurado nesta segunda-feira (29) o Instituto Aliança Contra a Hanseníase – AAL, do nome em inglês Alliance Against Leprosy. A médica dermatologista fundadora da iniciativa destacou o histórico da doença no mundo e porque sua experiência na saúde a motivou a abraçar essa causa. “Nós temos condições de mudar esse cenário. Temos médicos, doentes, conhecimento e a solidariedade nata do brasileiro”, afirmou.

O presidente da Sociedade Brasileira de Hansenologia (SBH), Dr. Claudio Guedes Salgado, esteve presente e destacou a necessidade da visibilidade para a doença que aparece no ranking das patologias negligenciadas no Brasil e no mundo. “Talvez o primeiro grande triunfo do instituto seja promover um aumento da estatística dos casos de hanseníase, porque é esse nosso maior problema: diagnóstico. Os números mostram uma queda da doença, mas na prática ela persiste”, alertou.

O arcebispo de Curitiba, Dom Peruzzo, prestigiou o lançamento do instituto e compartilhou sua história pessoal, revelando que já sofreu de hanseníase. “A dor no coração é maior que a dor dos nervos. Eu descobri que era preconceituoso quando tive que enfrentar o problema dentro de mim”, confessou. O vice-prefeito de Curitiba, Eduardo Pimentel, também parabenizou a iniciativa pessoalmente.

1 Comentário

  1. É com muito bons olhos e grandes expectativas que acompanho o início do Instituto Aliança Contra a Hanseníase.
    Parabéns à fundadora e a todos os apoiadores por tão relevante iniciativa!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *